conecte-se conosco


MATO GROSSO

Tráfico de pessoas é tema da Campanha Julho Azul em Mato Grosso

Publicados

em

O enfrentamento ao tráfico de pessoas é tema da Campanha Julho Azul realizada este mês em Mato Grosso pelo Comitê de Estado de Prevenção e Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas (Cetrap-MT), vinculado à Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

Durante esse período, o Cetrap, o Ministério Público e Prefeituras Municipais vão atuar com ações para a disseminação, esclarecimento e conscientização da população quanto a esse tipo de crime.

Para conscientizar e levar informação ao maior número de pessoas, as ações serão realizadas em vários locais no Estado, como nas BRs 070 e 364; nos postos da Polícia Rodoviária Federal, em Cuiabá, Cáceres e Rondonópolis; no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande; e no Terminal Rodoviário Interestadual, em Cuiabá.

A campanha também terá lançamento na região de fronteira de Mato Grosso com a Bolívia, uma ação realizada em parceria com as Prefeituras de Cáceres e San Matias (Bolívia). Na localidade, o plano de conscientização da comunidade será realizado durante todo o mês de julho e agosto.

No dia Mundial de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, 30 de julho, diferentes órgãos vão iluminar suas fachadas com a cor azul, em ato simbólico.

Leia Também:  Consórcio da Saúde receberá R$ 420 mil ao ano para fortalecimento de ações na baixada cuiabana

Tráfico de pessoas

O tráfico de pessoas consiste em sujeitar o indivíduo sob ameaça, aceitação de pagamentos ou benefícios com consentimento de uma pessoa sobre outra para exploração e obtenção de lucro. O aproveitamento pode estar relacionado à prostituição, exploração sexual, trabalho forçado, práticas similares à escravatura ou a remoção de órgãos.

Conforme dados do Observatório da Erradicação do Trabalho Escravo e do Tráfico de Pessoas, 254 ocorrências de tráfico de pessoas para trabalho escravo foram registradas pelo Disque 100, entre os anos de 2012 e 2019 em Mato Grosso. Também houve 64 registros de tráfico de crianças e adolescentes, no mesmo período.

Cuiabá e Várzea Grande, as duas maiores cidades do Estado têm o maior número de ocorrências. Em relação ao trabalho escravo, elas aparecem consecutivamente com 10% e 6%, das denúncias. Quando se trata de tráfico de menores, as duas cidades aparecem com 17% e 11%, conforme dados do Disque 100.

Na fronteira, um dos crimes conhecidos como tráfico de pessoas mais comum é o recrutamento de homens para o transporte de drogas entre a Bolívia e o Brasil. Para o aliciamento, as organizações criminosas oferecem pagamento pelo serviço, porém em muitos casos eles acabam sendo presos do tráfico de drogas.

Leia Também:  Governo de MT regulariza bairro Itapajé com entrega de 104 títulos definitivos aos moradores

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Suspenso expediente presencial em Porto dos Gaúchos nesta quinta-feira

Publicados

em

Por

O expediente forense presencial da Comarca de Porto dos Gaúchos foi suspenso nesta quinta-feira (11 de agosto), em virtude da interrupção nos serviços de internet.
 
A suspensão está expressa na Portaria n. 27/2022, assinada pela juíza-diretora do foro, Raisa Tavares Pessoa Nicolau.
 
A magistrada determinou o trabalho via home office para os servidores. Os prazos processuais não foram suspensos.
 
Os atendimentos a advogados e advogadas, membros do Ministério Público e público em geral serão realizados prioritariamente por meio dos Canais de Acesso, sendo disponibilizados os seguintes contatos:
 
Distribuidor, Central de Arrecadação e Arquivamento e Central de Mandados – [email protected]
 
Secretaria da Vara Única – [email protected]
 
Central de Administração – [email protected]
 
Gabinete – [email protected]
 
 
 
Mylena Petrucelli
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 
 

Fonte: Tribunal de Justiça de MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Operação identifica líderes de organização criminosa voltada para golpes por meio de redes sociais instalada em MT
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: