conecte-se conosco


CIDADES

PONTE QUEIMADA: Prefeitura de Rosário Oeste registra Boletim de Ocorrências e recorre ao Governo do Estado

Publicados

em

Após um incêndio criminoso que destruiu a ponte sobre o Rio Manso em Rosário Oeste a Prefeitura do Município registrou um Boletim de Ocorrências alegando Crime contra a Incolumidade Pública e o Prefeito João Balbino recorreu ao Governo do Estado para pedir urgência em sua reconstrução.

A estrutura estava com algumas tábuas comprometidas e, agora, terá que ser reconstruída.

Normalmente um processo desses duraria um ano entre as fases de licitação, projeto e execução.

VEJA ABAIXO O POST FEITO PELO PREFEITO NAS MÍDIAS SOCIAIS:

Hoje estive na Secretaria de Estadual de Infraestrutura e Logística e no Palácio do Governo, reivindicando a reconstrução da ponte sobre o Rio Manso, queimada nesse final de semana, através de ação criminosa.

Tão logo tomamos ciência do incêndio criminoso, registramos o boletim de ocorrência na polícia civil, para que as investigações sejam realizadas e devidamente apuradas a autoria, identificando e punindo os infratores, que causaram um prejuízo imensurável para a região.

É importante destacar, que por se tratar de uma ponte de 140 metros de comprimento e estar localizada numa rodovia estadual (MT 244), a responsabilidade de manutenção e restauração da referida ponte, é do Governo do Estado, conforme orientação legal.

Portanto, aguardamos o Governo do Estado, reconstruir a mencionada ponte, que serve de acesso a uma extensa e importante região.

Aguardamos também, a identificação e a devida punição aos infratores.

Por Biorosario

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia militar desarticula roubo e sequestro em Arenápolis
Propaganda

CIDADES

Sorriso: Jovem é ameaçado e perde quase R$ 3 mil após trocar mensagem com mulher casada

Publicados

em

Por

Terra MT Digital

Um jovem, de 19 anos, procurou delegacia para relatar que pode ter caído em um golpe após receber uma solicitação de amizade no Facebook, de uma mulher e depois ser ameaçado por dois homens, que entraram em contato via whatsapp.

Segundo o jovem, ele aceitou o pedido de amizade da suposta mulher e começaram a conversar.

Ele passou o número do WhatsApp e depois que estavam conversando e a conversa estava “caliente, dois homens entraram em contato com o jovem por números diferentes pelo WhatsApp, dizendo que o jovem estava mexendo com mulher casada e que seus colegas iriam pegá-lo, que eles eram faccionados e que queriam resolver logo o problema, então pediram uma quantia de R$3000, pra deixar o jovem sem problemas com o esposo da mulher.

O jovem, com medo, realizou cinco transferência no total uma no valor de R$ 1000, cinco no valor de R$ 500 e uma no valor de R$311 totalizando R$2811.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Acidente deixa duas pessoas feridas no centro do Novo Diamantino
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: