conecte-se conosco


CIDADES

Pai e filho morrem à espera de UTI na cidade de Diamantino em Mato Grosso

Publicados

em

Um áudio que circula nas redes sociais e grupos WhatsApp mostra o desespero e indignação de uma moradora de Diamantino (181 quilômetros de Cuiabá), que perdeu o filho e o marido para o novo coronavírus. Ambos aguardavam na fila por um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da cidade.

Na gravação, ela critica a falta de assistência das autoridades durante pandemia. A cobrança, em especial, é direcionada ao presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), que minimiza a pandemia e classifica a Covid-19 como uma “gripezinha”.

“Presidente do Brasil, tenha piedade. Você falou que era uma gripezinha, mas você tem dinheiro. E esse povo do Mato Grosso e de Diamantino sofrido? Cada hora que passa, a covid está aumentando no Nortão do Estado. Quem tem dinheiro paga UTI e quem não tem? Fica para o SUS esperando a morte chegar”, lamenta.

Com tom de voz bastante alterado, ela segue expondo a situação caótica que a população mais vulnerável enfrenta para encontrar leitos nos hospitais públicos. As unidades já entraram em colapso devido ao aumento no número de infectados.

Leia Também:  Conselho de Segurança de Rosário Oeste convida Presidentes de Bairros para Assembleia Geral

Thank you for watching

Neste domingo (22), a Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou 286.693 casos e 6.813 óbitos por Covid-19. Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 493 internações em UTIs públicas e 565 enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 98,83% para UTIs adulto e em 68% para enfermarias adulto.

Devido à explosão de casos, o Estado, inclusive, já está em alerta com risco de desabastecimento de oxigênio. “Cria vergonha na sua cara, vagabund* [Bolsonaro]. Você tem dinheiro e não está nem aí para a população pobre e humilde. Não está nem aí para quem está perdendo o filho chorando, desesperada e pedindo que Deus salve o filho e o marido”, complementou.

A moradora também reforçou o apelo da classe médica, que exige a determinação de medidas restritivas para a conter a contaminação no Estado. Na manhã desta segunda-feira (22), o Sindicato dos Médicos de Mato Grosso (Sindimed-MT) alertou que muitas pessoas podem morrer sem atendimento e sobrecarregar sistema funerário.

“Os médicos já estão cansados, as enfermeiras já estão cansadas, meu Deus tenha misericórdia de Mato Grosso. Tenha misericórdia de Diamantino”, pontuou.

Leia Também:  Miss Universo Mato Grosso acontece nesta quarta; conheça as candidatas

Ao final, ela ainda faz um apelo pela vacina. “Que venha essas vacinas para o jovem, que estão matando e saindo. Crie vergonha na sua cara, vagabund*. Você tem dinheiro e nós pobres humildes temos que esperar pelo SUS”, finalizou.

Fonte: Poconet

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Acorizal recebe R$ 100 mil de emenda da deputada Rosa Neide para assistência social

Ela ressaltou que encaminhou a emenda atendendo ao pedido da militância do PT local.

Publicados

em

Por

Assessoria

O município de Acorizal recebeu R$ 100 mil de emenda da deputada federal Professora Rosa Neide (PT). O recurso foi depositado na conta da prefeitura em 22 de junho. A verba é para compra de um veículo para a Secretaria Municipal de Assistência Social.

Professora Rosa Neide destacou ser motivo de orgulho poder destinar recursos federais para investimentos nos municípios de Mato Grosso. Ela ressaltou que encaminhou a emenda atendendo ao pedido da militância do PT local.

“As companheiras e companheiros do PT de Acorizal solicitaram a emenda e fiz a indicação. Que esse veículo possa auxiliar nos trabalhos da Secretaria junto à população da zona urbana e rural. Tenho compromisso de enquanto estiver como deputada, seguir apoiando o município”, disse Rosa Neide.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Concurso Gato da Baixada anima moradores de Acorizal e região.
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: