conecte-se conosco


NACIONAL

Mãe é presa suspeita de ‘vender’ filha de 4 anos por R$ 50

Publicados

em

O DIA

A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira, 26, dois idosos e a mãe de uma menina de 4 anos na cidade de Maribondo, interior de Alagoas, por suspeita de estupro de vulnerável contra a criança. A mulher é suspeita de “vender” a filha por R$ 50 para os estupradores.

De acordo com a equipe da Polícia Civil do 101º DP, a investigação apontou que a mãe da criança, uma jovem de 20 anos, permitia que os homens de 78 e 81 anos abusassem da menina, mediante pagamento em dinheiro, no valor de R$ 50. Não há informações sobre o pai da criança ou há quanto tempo os abusos ocorriam.

O crime ocorria na casa da vítima, localizada no Centro da cidade de Maribondo. De acordo com o chefe de Operações do 101º DP, um dos homens chegava a introduzir o dedo na vagina da criança, além de pedir que ela segurasse o pênis durante o abuso sexual.

A mãe da menina e os idosos responderão pelo crime de estupro de vulnerável, com pena prevista de 6 a 8 anos em regime fechado.

Leia Também:  Nova CNH: veja o modelo que começa a valer em junho

 

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

NACIONAL

Casal paga R$ 2,3 mil em suíte de motel e acha 3 camisinhas na piscina

Caso aconteceu na suíte presidencial do Motel Colorado. Empresária entrou com ação de indenização por danos morais e materiais

Publicados

em

Por

NATHÁLIA CARDIM – METRÓPOLES

A empresária e digital influencer Silvania Prima de Souza, 40 anos, e o marido dela, Wilson Santana Laranjeira, 50, entraram com uma ação de indenização por danos morais e materiais contra o Motel Colorado, em Sobradinho, após se hospedarem em uma das suítes presidenciais e encontrarem três preservativos usados no ralo da piscina. O caso aconteceu no último sábado (14/5).

Ao Metrópoles Silvania disse que nunca se sentiu tão constrangida na vida. “Fui passar o último fim de semana na suíte presidencial do Motel Colorado com o meu esposo e, quando resolvi entrar na piscina aquecida, pisei em três preservativos usados que estavam no ralo. Saí correndo da piscina e fui tomar banho chorando”, conta.

Segundo Silvania, o casal entrou imediatamente em contato com a gerência do motel, que pediu para que eles saíssem da suíte para que a equipe da limpeza fizesse a higienização.

Após o episódio, Silvania e Wilson deixaram a suíte e, mais tarde, retornaram ao mesmo quarto. No entanto, quando voltaram, a piscina ainda estava enchendo.

Leia Também:  Homem descobre que é corno e tenta matar toda a família queimada.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: