conecte-se conosco


POLICIAL

Homem acusado de matar esposa com tiro de espingarda de pressão em Sorriso é solto sob fiança

Suspeito pagou R$ 1,1 mil e agora responderá ao processo em liberdade

Publicados

em

Foto: Divulgação

O carpinteiro que foi detido ontem (8) suspeito de matar a esposa com um tiro acidental, no bairro Bela Vista, em Sorriso, foi solto hoje após pagar fiança arbitrada em R$ 1,1 mil. Angélica Aparecida Gaio, de 30 anos, foi atingida no rosto por um tiro de espingarda de pressão.

Conforme a polícia, o homem pegou a arma e a engatilhou três vezes ao apontá-la para baixo. Na quarta tentativa, a espingarda disparou e fatalmente acertou o rosto da mulher.

De acordo com o advogado de defesa do acusado, Mathis Haley, o que ocorreu foi uma fatalidade. “Foi um acidente. Durante três vezes, para o chão ele puxou o gatilho afim de disparar a carabina de pressão, mas não logrou êxito. O chumbinho não saiu. Numa quarta tentativa, acabou por sair o chumbinho e vindo atingir o rosto da sua companheira, que infelizmente veio a óbito”.

A autoridade policial arbitrou fiança R$ 1,1 mil e o homem passa a responder ao processo em liberdade. “Poderá ou não haver o oferecimento da denúncia por parte do Ministério Público. Pois, ele pegou carabina, estava vendo como funcionava, brincando com sua companheira. Ele estava em uma residência onde foi realizar o conserto de uma cama, e a sua companheira estava lhe acompanhando e, infelizmente, houve esse resultado trágico e está sendo observado em razão da falta de habilidade de lidar com o equipamento”, explicou o advogado.

Leia Também:  Cinco suspeitos de homicídio em Arenápolis são presos com pistolas e revólver em São José do Rio Claro

Após ser alvejada acidentalmente, Angélica foi socorrida pelo esposo e pelo cliente. Ela foi levada para o hospital, mas não resistiu ao ferimento.

Texto: Redação Portal Sorriso

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Polícia Civil cumpre mandados de apreensão contra autores de latrocínio em Primavera do Leste

Publicados

em

Por

Dois mandados de busca e apreensão, expedidos contra dois infratores investigados por latrocínio em Primavera do Leste, região sul do estado, foram cumpridos pela Polícia Civil na sexta-feira (01.07).

Os adolescentes foram localizados pelos policiais civis da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de Primavera do Leste.

Depois de serem apreendidos, por força das ordens judiciais decretadas pela Comarca local, ambos foram encaminhados para o Centro Socioeducativo da cidade de Cáceres.

Os menores de idade foram identificados pelo envolvimento com o roubo, seguido de morte, ocorrido no dia 26 de dezembro de 2021, em Primavera do Leste.

O crime

Luciano Rodrigues Messias foi rendido pela dupla em sua residência, no bairro Castelândia, e, em seguida, amarrado. 

Do local, foram subtraídos dinheiro, uma motocicleta Biz e uma arma de fogo, entre outros objetos.  Em seguida, a vítima foi morta asfixiada. 

No dia seguinte, ambos pagaram uma terceira pessoa (também menor de idade) para ir à casa da vítima e subtrair uma televisão, dois botijões de gás, uma panela elétrica e uma mochila.

Leia Também:  Homem foi preso por porte ilegal de arma de fogo em Nortelândia

Entretanto, na época dos fatos, este menor acabou sendo apreendido em flagrante pelo ato infracional.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: