conecte-se conosco


MATO GROSSO

Gefron causou prejuízo de R$ 150 milhões ao crime nos primeiros cinco meses de 2022

Publicados

em

De janeiro a maio de 2022, o Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), obteve resultados positivos nas principais ocorrências na região de fronteira. Ao todo, foram registradas 182 ações, que causaram um prejuízo de R$ 150 milhões ao crime, equivalente a 11% a mais do que no mesmo período do ano passado, quando o montante estimado chegou a R$ 133 milhões.

O trabalho dos operadores de fronteira neste período também resultou na apreensão de 6 toneladas de drogas, um aumento de 16,5% em relação ao ano passado, quando foram retiradas de circulação 5,2 toneladas.

Ao todo, foram 244 pessoas encaminhadas às delegacias, sendo 217 brasileiros e 27 bolivianos. Já as apreensões de armas de fogo aumentaram de 11, em 2021, para 33 neste ano, enquanto as munições saltaram de 28 para 947, nestes primeiros cinco meses de 2022.

No caso de produtos de contrabando, o Gefron, neste ano, apreendeu 51 toneladas, sendo que no mesmo período do ano passado, foram registrados 80 quilos. Também foram apreendidos ou recuperados 133 veículos, enquanto no ano passado foram 128 veículos.

Leia Também:  Inquérito eletrônico integrado alcança 200 mil procedimentos enviados à Justiça

O comandante do Gefron, tenente-coronel PM Fábio Ricas, ressalta a atuação do grupo na segurança na fronteira e os investimentos que vêm sendo realizado. “Estes resultados positivos são atribuídos aos investimentos feitos pela Sesp, como equipamentos novos, viaturas e radiocomunicadores, melhorando a qualidade e condições de serviço dos agentes que atuam na área de fronteira”, explicou.

O Gefron também une esforços no combate ao crime com as forças federais e estaduais, como Polícia Militar (PMMT) e Civil (PJC-MT), Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Força Aérea Brasileira (FAB).

(Com supervisão de Alecy Alves) 

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Polícia Civil prende integrantes de associação criminosa e apreendem armas de fogo, drogas e munições

Publicados

em

Por

Quatro integrantes de uma associação criminosa foram presos pela Polícia Civil, na sexta-feira (01.07), na zona rural de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá), durante investigações continuadas para apurar o duplo homicídio ocorrido no município. 

A ação resultou na apreensão de duas armas de fogo, várias munições e porções de maconha. Os envolvidos foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, associação criminosa e para o tráfico de drogas.

Nas diligências, os policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia, por meio da Divisão de Homicídios, identificaram uma propriedade rural usada pelos suspeitos para planejar os crimes e para se esconderem.

Diante das informações, a equipe foi até o local e, ao se aproximarem, perceberam a presença de alguns indivíduos, que fugiram para dentro de uma área de mata. No interior do imóvel, foram encontradas as armas de fogo, munições, uma tornozeleira eletrônica e porções de maconha.

Na casa também havia uma mulher e uma criança. Um dos presos possui passagem pelos crimes de sequestro, cárcere privado, furto, roubo, corrupção de menores, tráfico de drogas, receptação e lesão corporal. 

Leia Também:  Inquérito eletrônico integrado alcança 200 mil procedimentos enviados à Justiça

Os suspeitos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, associação criminosa e associação para o tráfico de drogas. Após a confecção dos autos, eles foram colocados à disposição da Justiça.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: