conecte-se conosco


VARIEDADES

Falha técnica faz apresentador da CNN pagar mico ao vivo; assista

Publicados

em

Evandro Cini ficou incomodado com a falha técnica no CNN Novo Dia
Reprodução/CNN Brasil

Evandro Cini ficou incomodado com a falha técnica no CNN Novo Dia


Uma falha técnica colocou o apresentador Evandro Cini numa baita saia-justa durante o comando do CNN Novo Dia da última sexta-feira (1º): ao selecionar um vídeo no telão interativo do matinal da CNN Brasil, a equipe técnica cometeu uma falha e colocou ao vivo o advogado Ricardo Baronovsky no ar. O problema é que a maneira como entrou no vídeo foi beeeeem curiosa. E por pouco não beirou o constrangimento.


Cini havia selecionado no telão do programa a imagem da comentarista Thais Arbex para mostrar sua análise sobre a votação da PEC dos Benefícios. Em vez da equipe colocar automaticamente o vídeo da jornalista, entrou no ar as imagens do estúdio vizinho, onde Baronovsky esperava para fazer sua entrada ao vivo.

Leia Também:  Após demissão de Sabrina Sato, saiba quem assumirá o Ilha Record

O problema é que o advogado estava, digamos, descontraído. Ele apareceu de costas para a câmera, deu uma alongada na coluna, e ainda por cima mexia em seu celular. A sorte é que a tela do aparelho não apareceu nítida no telão, então os telespectadores não conseguiram ver exatamente o que ele estava fazendo.

Cini, bastante sem graça, também se curvou para trás e soltou um “opa”. Além disso, estendeu o braço direito em direção ao telão e olhou diretamente para a equipe técnica, com um semblante visivelmente irritado por conta da falha. Veja:


Após a exibição completa da análise de Thais Arbex, o apresentador retomou a fala e não ignorou o erro, mas tentou aliviar a tensão. “Baronovsky apareceu balançando um pouquinho ali no começo, vendo o assunto que ele vai trazer no próximo Liberdade de Opinião, mas depois a gente conseguiu engatar a fala de Thais Arbex”, comentou.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Foto de ex-BBB é usada em registro de candidato de MT na Justiça Eleitoral

O partido Democracia Cristã (DC) informou que foi um erro de dados, mas que já foi solicitado a troca e correção.

Publicados

em

Por

Fonte: G1

O perfil do pré-candidato a deputado estadual Luciano Gomes de Oliveira de Comodoro, a 677 km de Cuiabá, está cadastrado com a foto de urna do ex-participante do reality show Big Brother Brasil. Uma foto do Gil do Vigor está no site de divulgação de candidaturas e contas eleitorais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O partido Democracia Cristã (DC) informou que foi um erro de dados, mas que já foi solicitado a troca e correção. Segundo o DC, o erro não foi do pré-candidato. O partido informou que contratou uma empresa que ficou responsável pela qualidade da foto e que o erro foi da empresa. Segundo o DC, assim que o partido tomou conhecimento dos fatos, contatou o jurídico e solicitou a alteração da imagem.

O g1 tenta localizar o pré-candidato.

A foto de urna seria o local onde deveria estar a imagem do pré-candidato. Ela aparece ao lado de informações do político, como nome, local de nascimento e patrimônio.

A última data de atualização do cadastro do político foi realizada nessa sexta-feira (12). Os pré-candidatos tem até segunda-feira (15) para realizar as candidaturas no site do TSE.

Leia Também:  Laudo do IML aponta politraumatismo como causa da morte de Aleksandro

O economista pernambucano Gil do Vigor conquistou o 4º lugar no BBB-21 e chegou a ficar quase 100 dias dentro da casa. Ele ficou conhecido pelos bordões e o carisma dentro do reality.

Após o confinamento, Gil do Vigor recebeu o título de Cidadão Paulistense, um voto de aplauso e a Comenda Padre João Ribeiro Pessoa de Melo Montenegro, a mais alta honraria de Paulista, município no Grande Recife onde o ex-BBB morava.

Atualmente o ex-participante está nos Estados Unidos fazendo pós-doutorado.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: