conecte-se conosco


MATO GROSSO

Documentário sobre Santo Antônio de Leverger será exibido em TV aberta neste sábado (12)

Publicados

em


Histórias e tradições de uma cidade que já foi o principal polo econômico e político de Mato Grosso. Este é o mote de Santo Antônio – Rio abaixo à Leverger, documentário dirigido por Leonardo Sant’Ana, com produção executiva de José Paulo Traven, que será exibido pela TV Centro América neste sábado (12), às 13h40.

“Santo Antônio é um lugar cheio de histórias e pessoas incríveis. A versão do documentário que será exibida pela TVCA, no entanto, é uma versão compacta, com duração de 22 minutos. Uma homenagem a Santo Antônio de Leverger em seu aniversário de 121 anos”, explica Paulo Traven. 

Terra natal de Marechal Cândido Rondon, o município de Santo Antônio de Leverger faz parte da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá.  A pequena cidade, com pouco mais de 17 mil habitantes, tem como base de sua economia o turismo da pesca e a agricultura de subsistência. 

Entre as muitas histórias narradas no documentário, as lendas que contam o surgimento do município se destacam. 

Leia Também:  Máquinas doadas pelo Estado melhoram as condições das estradas no interior

“Uma das histórias conta o mito de fundação do município, quando o batelão, com alguns bandeirantes, subia o rio depois de ter guerreado com indígenas, quando encalhou na região que hoje é o município. Quando tiraram a imagem de Santo Antônio, o batelão desencalhou. Então eles entenderam que a imagem de Santo Antonio queria ficar naquela região. Esta é apenas uma das histórias”, adianta Traven. 

Realizado pela Associação Mato-grossense de Inclusão Sociocultural/AMISCIM, Produzido pela Terra do Sol Filmes, Santo Antônio – Rio abaixo à Leverger é uma realização da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer, Assembleia Legislativa de Mato Grosso, por meio de emenda parlamentar do deputado estadual Allan Kardec.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Após força-tarefa incêndio subterrâneo na Baía dos Guató é controlado pelo Corpo de Bombeiros

Publicados

em

Por


Os militares do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso (CBMT) conseguiram conter o incêndio florestal de média proporção na Terra Indígena Baía dos Guató, região do Pantanal em Barão de Melgaço. Na última sexta-feira (23.07), uma equipe de oito soldados realizaram uma força-tarefa no local de difícil acesso, com a retirada de material combustível dos pontos considerados eminentes ao fogo e análise do campo.

Segundo informações do comandante do 1°Pelotão Independente do CBMT, tenente Thiago Soares, “durante todo o dia foram separados os materiais das bordas que poderiam servir como fonte para um novo incêndio”. Além disso, foi detectado uma área de vegetação verde e úmida ao redor do local onde estava o incêndio, uma barreira natural que impediu a propagação das chamas. Ele reforçou que não há mais incêndio subterrâneo e os trabalhos continuam.

Como forma preventiva, o CBM vai monitorar via satélite, além de fazer sobrevoos uma vez por semana, para verificar a situação do solo. O relatório aponta que apenas uma área de 200 hectares foi consumida pelas chamadas. No último final de semana, não foi detectado nenhum novo foco de incêndio ou fumaça no local.

Leia Também:  Seciteci formaliza termo de cooperação com prefeitura de Querência para ofertar cursos técnicos

É segunda vez que foi registrado incêndio no mesmo local, decorrente de um fenômeno natural do Pantanal, ocasionado pelas (turfas; uma espécie de carvão primário criando de vegetação compactada no solo) possibilitando a formação de pequenas brasas que se intensificaram com o atual clima seco na região.

Para realizar essa missão, o CBM contou com apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), além do Sesc Pantanal, que disponibilizou helicópteros para deslocar os militares e equipamentos de trabalho.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA MT

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA