conecte-se conosco


POLÍTICA

Deputado Claudinei homenageia representantes da saúde pública de Rondonópolis

Publicados

em


O coordenador geral do Samu Heusnan de Freitas recebeu a comenda Dante de Oliveira

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) promoveu solenidade na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, na segunda-feira (29), no Plenário Renê Barbour, em Cuiabá, para homenagear representantes da saúde pública do município de Rondonópolis, por meio da entrega de moção de aplausos e comenda Dante de Oliveira. As honrarias concedidas se devem ao reconhecimento dos relevantes serviços prestados à sociedade por parte dos homenageados.

Inicialmente, o parlamentar entregou a comenda Dante de Oliveira, por meio do projeto de resolução de n.º 109/2021, ao coordenador-geral do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu),  Heusnan Lima de Freitas, que atua na região sudeste e sul de Mato Grosso. “É uma satisfação receber essa homenagem como todos os meus colegas de Rondonópolis. No deputado não vemos vaidade e, sim, o caráter e a vontade é de poder ajudar. A nossa gratidão e parabéns pelo mandato que está exercendo”, explanou o homenageado.

Moção

Claudinei destacou a atuação do casal Odílio e Tânia Balbinotti, que tem ajudado nas melhorias no setor da saúde de Rondonópolis, principalmente à Santa Casa do município. “Tudo o que eu tenho que falar é agradecimento. O trabalho que desenvolvemos para a Santa Casa é de apoio e de equipe. O deputado é um grande apoiador nosso. Ele realmente entende sobre o que as pessoas realmente precisam. Ele foi importante, direta e indiretamente, para que as coisas mudassem. Sem a legislação a gente não funciona”, declarou Tânia que foi agraciada com a moção de aplausos do parlamentar e faz parte do SOS Santa Casa que é uma entidade da sociedade organizada civil. 

Leia Também:  Presidente da CCJR promete audiências públicas para discutir projeto de repactuação do ICMS

Claudinei entrega a homenagem à Tânia Balbinotti do SOS Santa Casa

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

A diretora e servidora do Hospital Regional de Rondonópolis desde 2004, Kênia de Lima Gomes, também foi reconhecida por Claudinei. “Estou muito grata e honrada por receber essa homenagem, representando o Hospital Regional de Rondonópolis. O reconhecimento do nosso trabalho é uma importante motivação e foi com muita alegria que participei da solenidade de entrega da moção de aplausos outorgada pelo deputado Claudinei”, revelou.

Com especialidade em gestão do Sistema Único de Saúde, da Qualidade e Custos e Hospitalar, a superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita Franco, ficou lisonjeada com o reconhecimento. Ela frisou que na moção de aplausos recebida com o seu nome, representa cerca de 1.500 colaboradores, médicos e fornecedores que lutam constantemente para dar o resultado esperado pela instituição filantrópica.

“Nós buscamos dar um atendimento humanizado. Entendemos que a unidade pode ser referência e nós, em conjunto, estamos dispostos a fazer junto com o poder público. Tendo reconhecimentos, investimentos e leis que nos amparam para melhorar e crescer cada vez mais. Essa moção é para toda a equipe, fornecedores e à sociedade que é atendida por nós”, posicionou a superintendente.

Leia Também:  NOBRES: Deputado João Batista verifica trabalho de Policiais Penais

Também foram homenageados o secretário municipal de saúde da Prefeitura de Rondonópolis, Alfredo Vinícius Amoroso, Sinésio Gouveia de Alvarenga, Hélio Cavalcanti, Diógenes Garrio, Ícaro Carvalho Neves, Rosângela Almeida Santos, Marileide Santana Rodrigues, Paulo Padin, Cheila Rodrigues Chaves, Renata Martins do Carmo, Luciara Machado, Luciana Abreu Horta, Irany Santos da Silva, Rosalino Rodrigues, Fernando Silva, Erlon Cortez, Daniele de Barros Marques, Cláudia Domingues Lima, Cláudia Wandeveld, Daniel Gerlin e Tamirez Figueiredo.

A diretora do Hospital Regional recebe a moção de aplausos

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

Comenda – A comenda Dante de Oliveira foi instituída pela Assembleia Legislativa, por meio de proposta do deputado estadual Wilson Santos (PSDB), em abril de 2015, para homenagear pessoas físicas e jurídicas com destaque nas áreas de direitos humanos, democracia e da cidadania de Mato Grosso. Cada deputado, anualmente, poderá indicar até cinco homenageados – sendo que será analisada por outros parlamentares para a devida aprovação a indicação.

O secretário de saúde do município e a superintendente da Santa Casa de Rondonópolis foram homenageados

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

Presidente da CCJR promete audiências públicas para discutir projeto de repactuação do ICMS

Publicados

em

Por


Foto: Ronaldo Mazza

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB), presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Assembleia Legislativa, vai convocar uma audiência pública para discutir a proposta do Governo de Mato Grosso de redistribuição do Imposto sobre Circulação, Mercadorias e Serviços (ICMS) aos municípios. A informação foi confirmada pelo parlamentar nesta sexta-feira (28).
A mensagem encaminhada ao Legislativo redistribui o imposto e prevê maior aporte aos municípios que apresentarem melhores resultados nas áreas da educação, saúde e meio ambiente. Trata da regulamentação de uma lei federal. Os municípios continuarão recebendo 25% do que o Estado arrecada. Mas as regras para aplicação deste percentual vão mudar.
Atualmente, 75% da parte que cabe aos municípios são destinados de acordo com o valor adicionado bruto (VAB). Ou seja, o valor que cada setor da economia (agropecuária, indústria e serviços) acresce sobre tudo que é produzido em uma região. Com a mudança, a porcentagem cai para 65% e o restante (35%) terá de seguir regras definidas pelo Estado.
“Os municípios não vão perder arrecadação. Quem fala isso está conversando fiado, porque o repasse do ICMS continuará o mesmo: 25% daquilo que o estado arrecada. Os municípios vão continuar recebendo o que recebem hoje, mas terão que aplicar melhor os recursos na educação, saúde e meio ambiente”, disse o governador Mauro Mendes. 
“Sabemos que o Governo está cumprindo uma determinação constitucional; é obrigado a fazer isso. O projeto [do ICMS] não chegou à Assembleia fechado, acabado. Vou propor, por meio  da CCJR, abrirmos o debate aos prefeitos, presidentes de Câmaras municipais e à sociedade em geral. Sabemos que 75% do que é arrecadado pertence ao Estado, mas os outros 25% são dos municípios. Será que é justo o Estado, que não é dono desse recurso, definir regras e critérios sem ouvir os donos do dinheiro, que são os municípios?”, indagou.
A proposta de audiência pública será apresentada na próxima reunião da CCJR, em fevereiro, após recesso parlamentar.

Leia Também:  Oitenta famílias de Poconé ainda aguardam a entrega das casas do residencial Guatós II
Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: