conecte-se conosco


MATO GROSSO

Combate ao desmatamento ilegal de MT é destaque no evento Planet Explore 2021

Publicados

em


O combate ao desmatamento ilegal na Amazônia com o auxílio do monitoramento por satélite de todo o território estadual foi a única iniciativa brasileira apresentada no evento internacional “Planet Explore 2021”, no último domingo e na segunda-feira (12 e 13.10). Os resultados ambientais alcançados foram destaque entre casos de sucesso apresentados a líderes mundiais.

“É uma grande satisfação, como gestora, poder falar um pouco do trabalho desenvolvido utilizando as imagens e toda a inteligência por trás dos satélites da Planet, com o apoio da SCCON, e dizer como esses resultados estão mudando a vida das pessoas e o cenário da política pública ambiental do Estado de Mato Grosso”, conta a secretária de Estado de Meio Ambiente, Mauren Lazzaretti. 

Dados mostram que a secretaria aumentou a sua produtividade e eficiência nos gastos públicos com o início do uso do Sistema de Monitoramento por Satélites Planet, incorporada como solução tecnológica junto às empresas SCCON (Santiago & Cintra Consultoria), em 2019. 

“O mais importante de tudo é que o órgão ambiental se tornou mais eficiente. O uso da tecnologia, somada ao grande empenho das nossas equipes no aprimoramento da gestão e nas ações de monitoramento e fiscalização, trouxeram a melhoria do órgão ambiental. Nós lutávamos, antes de ter a tecnologia, contra o desafio enorme de ter um estado com um território que equivale a três países da Europa, com uma estrutura pequena, seja para fiscalização ou para regularização ambiental”, afirma a gestora. 

Leia Também:  Sábado (23): Mato Grosso registra 545.069 casos e 13.909 óbitos por Covid-19

O serviço foi adquirido por meio do Programa REM Mato Grosso (do inglês, REDD para pioneiros), que é uma premiação ao governo estadual pelos resultados na redução do desmatamento nos últimos 10 anos.

Antes e depois do uso das imagens de satélite

“Nos tornamos o órgão estadual do Brasil com a maior eficiência em ação de fiscalização. Com isso também reduzimos o custo operacional. Conseguimos eliminar a onda crescente do desmatamento com a Planet no primeiro ano, e no segundo ano, estamos imprimindo resultados de redução do desmatamento”, avalia . 

De agosto de 2020 a julho de 2021, houve a redução de 21,7% nos alertas de desmatamento, enquanto a média da Amazônia Legal é 4,3% de redução em comparação com o mesmo período do ano anterior. O dado oficial é do do Projeto de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal por Satélite (PRODES) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Outro destaque, conforme a secretária, é que a Sema-MT ganhou escala na regularização dos imóveis rurais, ou seja, na implementação do código florestal. Mato Grosso é um dos Estados com maior índice de Cadastros Ambientais Rurais (CAR) analisados do país. 

Leia Também:  Servidoras do MTPrev participam de palestras sobre prevenção do câncer de mama

O licenciamento ambiental também ganhou eficiência. “Conseguimos, num momento em que era difícil ir in loco, substituir as visitas pelas imagens Planet que tem uma periodicidade importante para quem licencia, e uma resolução que permite visualizar de fato o que está acontecendo em campo”, complementa. 

Os alertas elaborados cruzam informações com o banco de dados da Sema-MT, identificando a área e o proprietário. É enviado um e-mail automaticamente alertando esse possível infrator sobre a detecção. Ele é orientado a procurar o órgão ambiental para se justificar, ou parar a infração imediatamente. 

Planet Explore 2021

A terceira conferência anual de usuários do Planet aconteceu de 12 a 13 de outubro de 2021 mostrou como os dados dos satélites Planet são aproveitados em todo o mundo. O evento contou com o uso da conexão global de iniciativas, histórias, líderes e instituições para o progresso. Saiba mais em: https://explore21.planet.com/ .

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Sábado (23): Mato Grosso registra 545.069 casos e 13.909 óbitos por Covid-19

Publicados

em

Por


A Secretaria de Estado de Saúde (SES) notificou, até a tarde desta sábado (23.10), 545.069 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.909 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 126 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 545.069 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.748 estão em isolamento domiciliar e 528.834 estão recuperados. 

Devido à manutenção na base de dados do sistema oficial do Ministério da Saúde, não foi possível publicar o Ranking da Vacinação em Mato Grosso nesta semana. A perspectiva é de que o Ranking seja atualizado até a próxima terça-feira (26.10).

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 76 internações em UTIs públicas e 37 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 27,64% para UTIs adulto e em 6% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (113.081), Várzea Grande (40.174), Rondonópolis (38.252), Sinop (26.279), Sorriso (18.392), Tangará da Serra (17.796), Lucas do Rio Verde (15.700), Primavera do Leste (14.784), Cáceres (11.932) e Alta Floresta (10.806).

Leia Também:  Governo autoriza retorno do público aos estádios de futebol mediante comprovante de vacinação ou teste negativo para Covid

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 404.835 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 85 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (22.10), o Governo Federal confirmou o total de 21.711.843 casos da Covid-19 no Brasil e 605.139 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 21.697.341 casos da Covid-19 no Brasil e 604.679 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta sábado (23.10).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

Leia Também:  PM apreende mais de 17 mil maços de cigarros contrabandeados; cinco suspeitos são presos

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

CIDADES14 horas atrás

NOBRES: Zilmai agradece prefeito de Rosário Oeste e pede seriedade dos membros da CPI

Assessoria A vereadora Zilmai no uso da sua fala na tribuna da 16º Sessão Ordinária da última quinta-feira (15), parabenizou...

CIDADES14 horas atrás

Radialista Edemar Bueno Esclarece sobre matéria vinculada no site página 1

Venho por meio desta, agradecer o direito de resposta a este conceituado veículo de comunicação, atuando com ampla imparcialidade. No...

CIDADES18 horas atrás

MP requer interdição de ginásio poliesportivo em Alto Paraguai

A “Copa Centro América” não poderia ocorrer, visto que o ambiente não tinha as condições estruturais efetivas para a proteção...

CIDADES18 horas atrás

PRF apreende 360 kg de pasta base de cocaína na cidade de Nobres-MT

  Na noite de ontem (22), uma equipe da PRF apreendeu 360 kg de pasta base de cocaína na cidade...

CIDADES18 horas atrás

Curso de Viveirista em Fruticultura foi realizado no Distrito Bauxi em Rosário Oeste

O objetivo geral do treinamento foi ensinar os participantes a produzir mudas frutíferas oportunizando o incremento da renda familiar.

CIDADES2 dias atrás

Pauta da sessão ordinária da Câmara de Rosário Oeste em 26/10/2021

PAUTA DA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 26 DE OUTUBRO DE 2021. EXPEDIENTE PROJETO DE LEI Nº. 040/2021 – AUTORIA: VERª...

CIDADES2 dias atrás

Rosário Oeste recebeu R$ 784.851,66 em impostos da Rota do Oeste no primeiro semestre de 2021

Pedágio e serviços resultam no repasse de R$ 13 milhões a prefeituras

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: