conecte-se conosco


POLICIAL

Centro de Equoterapia e Equitação da Cavalaria da PM dobra atendimento a população

Publicados

em


A duplicação da pista do Centro de Equoterapia e Equitação do Regimento Montado da Polícia Militar de Mato Grosso – Cavalaria, dará início ao projeto ‘Efeitos da equoterapia na inclusão social de crianças e adolescente imigrantes’ e a prática de volteio interativo. Noventa famílias passarão a ser atendidas no local.

Os projetos foram lançados na manhã desta quarta-feira (21.07), com a presença do comandante-geral da PMMT, coronel Jonildo José de Assis, que destacou o trabalho ostensivo e a consolidação dos serviços sociais desenvolvidos pela unidade que é o embrião da corporação. Todas as medidas de biossegurança foram tomadas.

“É um orgulho poder fazer parte dos avanços dessa unidade. Com a ampliação da pista, mais famílias poderão ser assistidas com as ações sociais que ajudam no desenvolvimento de tantas crianças de adolescentes”, destacou o comandante.

Na avaliação do comandante da Cavalaria, tenente-coronel Walmir Barros Rocha, a duplicação da pista enriquece ainda mais o corpo da tropa e a identidade do Regimento Montado e caminha diretamente à filosofia de Polícia Comunitária, obedecendo suas doutrinas e aproximando a Polícia Militar dos cidadãos.

Leia Também:  PM recupera veículos em Várzea Grande e Peixoto de Azevedo

“Desenvolvemos um trabalho social e oportunizamos ajudar mais pessoas passando de 45 para 90 famílias atendidas na equoterapia. O espaço reúne, em único lugar, o trabalho do Comando Especializado – unidade Cavalaria da PM, aliado ao conhecimento científico da UFMT, em prol do atendimento às crianças que necessitam deste método terapêutico e educacional”.  

Foto: SD Elias 

A pró-reitora e coordenadora do Centro de Equoterapia da UFMT, Liziane Pereira de Jesus, conta que a unidade desenvolve um trabalho multidisciplinar de cunho filantrópico e prioriza a população de baixa renda.

Ela destacou o projeto ‘Efeitos da equoterapia na inclusão social de crianças e adolescentes imigrantes’ – que beneficia 10 crianças e adolescentes com idade entre 2 e 17 anos.

“O trabalho vem sendo desenvolvido desde 2010 e junto com a Pastoral do Migrante estamos associando essa interação com o cavalo e vem surtindo efeito positivo de socialização com os participantes do projeto”.

Além do cunho social, o Centro de Equoterapia agrega uma série de projetos das mais diversificadas áreas, contribuindo e fomentando o ensino, a pesquisa e a extensão, pilares que orientam a conduta institucional. O espaço é voltado para famílias de baixa renda. Crianças com deficiência ou necessidades especiais são atendidas no espaço gratuitamente. 

Leia Também:  PM é acionada e encontra agressor amarrado em árvore

Participaram da solenidade, o subchefe de Estado Maior, coronel Calor Eduardo Pinheiro da Silva, deputado Ulysses Moares, oficiais, alunos e familiares da equoterapia e sociedade civil organizada. 

Foto: SD Elias 

Fonte: PM MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Durante abordagem policial, PRF em Rondonópolis encontra líderes de organização criminosa foragidos da justiça

Publicados

em

Por


No dia de ontem (25), por volta das 16 horas, uma equipe da PRF, durante fiscalização de combate ao crime, no km 211 da BR 364, município de Rondonópolis-MT, abordou uma caminhonete Hilux de cor preta, ocupada por quatro indivíduos.

Foi solicitada a documentação de todas as pessoas do veículo, sendo apresentadas duas CNHs e duas carteiras de identidade. Durante checagem aos sistemas, a equipe observou que ambos RGs apresentados continham indícios de falsificação, sendo realizada uma busca mais detalhas nesses dois indivíduos. Em conversa com um deles, o mesmo relatou que era foragido da justiça, e disse seu verdadeiro nome, tendo apresentado o RG falso porque foi avisado por sua advogada de que havia um mandado de prisão em aberto em seu nome.

Após novas pesquisas nos sistemas e fontes policiais, o verdadeiro nome do indivíduo foi confirmado com mandado de prisão pendente de cumprimento. Já o outro homem que apresentou documento falso, também possuía mandado de prisão em aberto com validade até 16 de abril de 2033.

Os policiais ainda conseguiram descobrir, posteriormente, que um terceiro homem, dos que estavam dentro da caminhonete, embora não apresentar documentos falsos, também tinha um mandado de prisão em seu desfavor.

O último integrante do veículo, apesar de expor histórias conflitantes sobre o motivo da viagem, alegou não saber que os outros três indivíduos eram foragidos da justiça. Ele não tinha nenhuma pendência com a lei e não estava na flagrância de crime.

Antes do final da ocorrência, após contato com a Polícia Federal e Polícia Civil do estado do Amapá, a equipe da PRF teve conhecimento de que os envolvidos na situação tratavam-se de lideranças criminosas do estado do Amapá, e que eram intensamente procurados pela polícia daquela região.

Foi mais um importante trabalho da PRF no estado de Mato Grosso, garantindo a promoção da justiça e maior efetividade na segurança pública, trabalhando com integração e parceria com as demais forças policiais de nosso país.

                                                      ___________________________________________________________________

 Durante o final de semana, a PRF localizou mais dois indivíduos com mandados de prisão em aberto. Um novamente no município de Rondonópolis e outro em Cuiabá. Os mandados eram pela prática dos crimes de associação criminosa, falsificação de documento pública e crime ambiental.

Leia Também:  Polícia Comunitária prestigia aniversário de quatro anos de menina que sonha em ser policial civil
Fonte: PRF MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA MT

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA