conecte-se conosco


CIDADES

Casal viraliza fazendo sexo em avenida movimentada de Cuiabá

Enquanto tudo acontece, carros, um caminhão e até mesmo dois pedestres passam pelo local

Publicados

em

Hipernotícias

Um casal que protagonizou cenas de sexo explícito viralizou nas redes sociais depois que o ato foi gravado em vídeo e publicado na internet. O caso aconteceu em Cuiabá, na Avenida Beira Rio, próximo a bares e a uma Universidade.

Nas “cenas quentes”, que se estendem por quase três minutos, o casal entre dois carros estacionados na via, próximos a um bar famoso da região. A mulher usa um dos carros de apoio, enquanto pratica os atos sexuais.

Nas imagens é possível ver que o homem expressa alguma preocupação com a possibilidade de ser observado e olha para os lados várias vezes. Entretanto, nem mesmo o movimento, típico da região, impede que o casal pratique a obscenidade. Eles chegam a interromper o ato, mas retomam logo em seguida.

Enquanto tudo acontece, carros, um caminhão e até mesmo dois pedestres passam pelo local. No fim do vídeo, a mulher ainda retira sua calcinha, com auxílio do homem, deixando amostra sua região intima.

VEJA TRECHO DO VÍDEO

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PRF e PF prendem dupla em Jangada/MT, que transportava mais de 126 Kg de Crack
Propaganda

CIDADES

Rosário Oeste pode desaparecer caso sejam construídas hidrelétricas acima das barragens, explica defensor.

Distrito de Nossa Senhora da Guia, Acorizal e Rosário Oeste podem desaparecer caso hidrelétricas sejam construídas acima das barragens, explica defensor ambiental.

Publicados

em

Por

Fonte: PNB On Line

Grupo quer alertar população para riscos da construção de hidrelétricas no rio Cuiabá.

A Pastoral da Ecologia Integral, em parceria com o Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic) promoveu nesta quarta-feira (10.08), às 17h, um ato ecumênico e inter-religioso em defesa do rio Cuiabá e do Pantanal. O ato foi realizado nas imediações da Igreja do Rosário e de São Benedito.

O objetivo da manifestação foi convencer os deputados estaduais a derrubarem o veto do governador Mauro Mendes, que facilita a construção de seis barragens e instalações hidrelétricas no rio Cuiabá, no trecho entre a capital e o município de Nobres, assim como já está acontecendo em outros rios da bacia do Alto Paraguai. O Projeto de Lei que proíbe a construção dessas barragens já foi aprovado na Assembleia Legislativa de Mato Grosso com 12 votos favoráveis, duas abstenções e nove ausências.

O mestre em Sociologia da Universidade Federal de Mato Grosso e defensor ambiental, professor Juacy da Silva explica que caso sejam construídas as hidrelétricas, acima das barragens poderá haver alagamento, ocasionando no desaparecimento de distritos como o de Nossa Senhora da Guia, Acorizal e Rosário Oeste.

Leia Também:  Fila de pessoas, para conseguir doações de osso em porta de açougue vira manchete nacional

Já abaixo das barragens, poderá ocorrer a seca do Pantanal e a alteração no regime das chuvas. “Com o Pantanal seco não haverá mais vidas e poderá afetar toda a biodiversidade. O Pantanal seco é sinal de morte e não de vida”, ressaltou o professor.

“Nós cristãos precisamos defender as obras da criação e o Rio Cuiabá e outros rios que formam a bacia do Alto Paraguai, e consequentemente o Pantanal, estão correndo o risco de secarem e morrerem em decorrências de umas barragens que estão sendo construídas e outras que estão querendo construir”, completou Juacy, reforçando o convite à população para comparecer no ato, que ocorrerá nas imediações da Igreja do Rosário e São Benedito.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: