conecte-se conosco


CIDADES

BR-364 em Nobres/MT será interditada para detonação de rocha na próxima quinta-feira (22)

Tráfego será interrompido no km 570 a partir das 16h

Publicados

em

Assessoria | Rota do Oeste

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), com apoio da Concessionária Rota do Oeste, irá interditar a rodovia no km 570 da BR-364, em Nobres, região da Serra do Tombador, na próxima quinta-feira (22). A interrupção no tráfego será às 16h para detonação de rocha no local.

A medida atende a solicitação da mineradora Reical Indústria e Comércio de Calcário e o procedimento pode dificultar a visibilidade na pista em consequência da poeira. Portanto, o tráfego será interditado como medida de segurança durante cerca de 30 minutos ou até que as condições estejam favoráveis.

A Concessionária Rota do Oeste oferece informações sobre as condições de tráfego do trecho de concessão da BR-163/364 ao usuário por meio do telefone 0800 065 0163 24 horas por dia, sete dias por semana.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  BR 163: Carreta bate em caminhão tanque e mulher fica ferida em Rosário Oeste
Propaganda

CIDADES

Falta de certidões impede Acorizal de receber recursos

Inadimplência pode fazer com que salários não sejam pagos em Acorizal

Publicados

em

Por

Por Folhamax

O município de Acorizal enfrenta sérias dificuldades devido à falta de certidões que impossibilitam o recebimento de emendas parlamentares e repasses federais. Porém, se engana quem pensa que essa situação atinge apenas a Prefeitura.

O Legislativo do município encontra-se com a mesma pendência, sem poder receber repasses do duodécimo por falta de certidão, graças à ineficiência do antigo presidente da Casa, Diego Taques (PSD), que durante seu mandato à frente da Mesa Diretora da Câmara, não prestou contas da DCTF (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais) à Receita Federal do ano de 2019, o que fez com que o CNPJ ficasse inapto. A pendência vem sendo solucionada pela atual gestão da Câmara, que vem prestando as informações e declarou que em um prazo de 24 horas o CNPJ novamente estará ativo e poderá receber o repasse e fazer o pagamento da folha salarial dos funcionários, que penam pela falta de capacidade administrativa do antigo gestor Diego Taques, que hoje disputa a eleição suplementar para prefeito de Acorizal.

Leia Também:  BR 163: Carreta bate em caminhão tanque e mulher fica ferida em Rosário Oeste

Nos corredores da Câmara Municipal, os servidores se encontram revoltados, com a ameaça de não recebimento de seus salários com o não repasse do duodécimo. O ex-prefeito Meraldo Sá, que atua como “por voz” da campanha de Diego, chegou a gravar vídeos em redes sociais para dizer que vai regularizar as certidões pendentes.

Porém, a promessa vem causando estranheza junto ao eleitorado, sabedor que essa situação que vem impedindo um maior desenvolvimento do município se deve, exatamente, a esses ex-gestores, que deixaram de prestar informações aos órgãos de controle, levantando suspeita de objetivos não republicanos, devido à falta de transparência.

OUTRO LADO

O ex-prefeito Meraldo Sá explicou que deixou a prefeitura há mais de 10 anos. Recorda que neste período executou 380 obras investindo R$ 50 milhões.

Segundo ele, a atual gestão de Benna Lemes (DEM) tem sido “incompetente” e tenta transferir responsabilidade. Ele explica que o prefeito inchou a folha salarial e, por isso, está dando desculpa para não quitar os salários.

Leia Também:  Após roubarem e espancarem motorista, menores assaltaram relojoaria em Nova Olímpia

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA MT

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA