conecte-se conosco


MATO GROSSO

“Aqui ficou claro que a união faz a força”, afirma prefeito de Sapezal sobre parceria com Governo de MT

Publicados

em

O governador Mauro Mendes assinou, nesta sexta-feira (13.05), convênios com a Prefeitura de Sapezal no valor de R$ 124 milhões para obras de habitação e infraestrutura. Na área de habitação, o Governo do Estado vai investir R$ 8,7 milhões para a construção de 580 casas.

“Viemos a Sapezal para assinar convênio para 180 casas, mas quando cheguei aqui e vi tanta gente, com tanta expectativa e tanto sonhos, aumentamos esse número para 580 casas. Tenho certeza que isso vai ajudar a realizar o sonho de muitos moradores. Governo é isso, é cuidar de todos. Temos muitas obrigações e deveres, mas temos que olhar para o Estado como um todo, mas principalmente para aquelas regiões e pessoas que mais precisam. O poder público existe para isso e o dinheiro dos impostos que entra no Estado precisa ser bem administrado e ser devolvido para a população, criando oportunidades para que todos possam ter uma vida melhor. É isso que procuramos fazer ao longo desses três anos e cinco meses de gestão”, destacou o governador.

Ainda em Sapezal, o Governo assinou convênio para recuperação da MT-388, com extensão total de 45 km. O investimento será na ordem de R$ 8,1 milhões. Vai investir também R$ 83,1 milhões para restauração da MT-235 com extensão de 103 km. Também receberão asfalto novo as rodovias municipais SZL-09 e a SZL-13, com extensão total de 50 km, em um investimento de 24,1 milhões, por meio do Programa Agroestradas.

Leia Também:  Governo abastece hospital com mais de 1 milhão de itens hospitalares

O prefeito de Sapezal destacou a importância da parceria da Prefeitura com o Governo do Estado para a realização de tantas obras e ações no município. “Aqui está claro que a união faz a força. A assinatura desses convênios mostra como está sendo essa união entre o município e o Estado”.

O ex-governador Blairo Maggi ressaltou que ficou emocionado pela sensibilidade do governador Mauro Mendes em quadruplicar o número de casas a serem construídas no município. “Essas casas vão mudar a vida de muitas pessoas, pois ter um lugar para morar é a coisa mais importante para uma família e daqui a pouco 580 pessoas estarão dentro da sua residência. Faça chuva ou faça sol, tem emprego ou não, a casa é o seu lugar, o seu aconchego, é segurança da sua família”.

Mais convênios

O Governo de Mato Grosso firmou ainda convênio com a Prefeitura de Campos de Júlio para a construção de 200 casas, com investimento na ordem de R$ 3 milhões.

“É uma satisfação muito grande assinar esse convênio, que vai beneficiar tantas famílias carentes. Por muito tempo esperamos por isso e hoje aconteceu. Essa parceria com o Estado é muito importante para Campos de Júlio”, ressaltou o prefeito do município, Irineu Marcos Parmeggiani.

Leia Também:  PM prende homem por violência doméstica e apreende espingarda e munições

Também estiveram presentes no evento o senador Fábio Garcia, deputado federal Neri Geller, os deputados estaduais Sebastião Rezende, Carlos Avalone e Doutor João, os prefeitos de Tangará da Serra, Valter Masson, de Nortelândia, Jossimar Fernandes (popular Zema) e de São José do Rio Claro, Levi Ribeiro, o ex-senador Cidinho Santos, os Secretários de Estado Marcelo Oliveira (Infraestrutura), Laice Souza (Comunicação), presidente da MTPAR, Wener Santos e o comandante-geral da PM, Alexandre Mendes.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Seduc promove capacitação para trabalhar emoções dos alunos

Publicados

em

Por

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) destinou o período da tarde desta quarta-feira (18/05), para uma capacitação com os profissionais presentes na FATEC Senai. O evento também teve presença online de professores de diferentes locais do Estado.

A finalidade do encontro foi apresentar dados sobre a saúde mental de crianças e adolescentes neste período pós-pandemia e informar sobre as oficinas, que ocorrerão ao longo dos dias, com a visita dos gestores da Nuvem9Brasil às 15 Diretorias Regionais de Educação (DRE). A parceira da Seduc é uma instituição que promove estratégias para o desenvolvimento de competências socioemocionais.

Atualmente, nas agendas internacionais para a Educação, o desenvolvimento de competências socioemocionais têm sido destaque. Aliado a isto, um estudo da UNICEF, sobre a pandemia, demonstra que mais de 13% dos adolescentes, entre 10 e 19 anos, foram diagnosticados com algum transtorno mental.

Diante deste cenário, a Seduc tem buscado promover, desde o ano passado, cuidados com a saúde mental dos estudantes, principalmente a partir dos reflexos e traumas causados pela Covid-19. Iniciou, então, um trabalho de desenvolvimento de competências socioemocionais com os alunos das séries iniciais e, agora, amplia esta proposta, atendendo também aos alunos do 6°ano até o ensino médio.

Leia Também:  Governo abastece hospital com mais de 1 milhão de itens hospitalares

Dentro desta metodologia de prevenção ao adoecimento mental, materiais orientativos e lúdicos já estão à disposição nas escolas e, na sequência, professores serão capacitados para lidar com as dificuldades emocionais dos estudantes.

Daniela Benites Moraes, coordenadora da EE Alina do Nascimento Tocantins, relata, que depois da pandemia, os alunos estão com dificuldades para trabalhar suas emoções. Ela percebe o abalo emocional deles e como esta situação tem atrapalhado o rendimento escolar e as relações interpessoais. A coordenadora reconhece o material como um apoio para lidar com o problema.

“Acho que trabalhar o socioemocional deles é fundamental e o material recebido é muito interessante. Já estávamos trabalhando com os alunos dos anos iniciais, os pequenos, e agora vamos trabalhar do 6° ao 9° ano, fase na qual estamos tendo mais problemas na escola, mas estamos motivados”.

Uma das metas do programa é desenvolver as competências emocionais de Autoconsciência, Autorregulação, Consciência Social, Tomada de Decisão Responsável e Habilidades de Relacionamento. A tríade Empatia, Respeito e Responsabilidade deve conduzir o trabalho junto aos professores.

Leia Também:  Realização de concurso público marca nova fase da Segurança de Mato Grosso

Joilson Francisco da Conceição, professor de Artes da EE Gov. Garcia Neto, que já vem trabalhando com o programa, defende a utilização da metodologia.

“Vai contribuir muito – e já está contribuindo na nossa unidade. Tivemos contato com o material. Inclusive, trabalhamos com os líderes de turma, pois eles têm maior facilidade de comunicação e percebemos os resultados. Os alunos querem contar sua história e buscam algum caminho para sair da angústia ou de alguma aflição que estão sentindo”, detalhou Joilson.

O parceiro da Seduc, Paulo Abud, ressalta a postura do Estado em buscar mitigar o sofrimento mental na rede. “O Estado tem se preocupado com a situação e pretende fazer desta ação uma política pública, não só um programa, mas uma política de Estado, o que demonstra a responsabilidade e a seriedade desta gestão. Não tenho a menor dúvida de que a educação de Mato Grosso está preparando uma geração muito melhor a partir destas ações”, declarou. 

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: