conecte-se conosco


CIDADES

Após 4 vereadores testarem positivo para a Covid-19, Câmara de Nobres suspende atendimento ao público

Publicados

em

Após 4 vereadores de Nobres testarem positivo para o novo coronavírus, Flávio Rondon (PSDB), Gercinho (PP), Professor Elies (DEM) e o presidente José Dias Filho, o Bacalhau que está internado infectado pelo vírus, a Câmara Municipal decidiu restringir o acesso à sede do parlamento.

O decreto legislativo 001/2021 publicado na manhã desta sexta-feira (26), impõe medidas restritivas, para conter o avanço da doença, entre servidores e parlamentares.

A sessão ordinária que seria realizada na noite de hoje foi suspensa e o prédio passará por desinfecção,
O acesso esta na Câmara está liberado apenas para vereadores, servidores, prestadores de serviço, profissionais da imprensa e agentes públicos.

As medidas adotadas devem vigorar até o dia 05.03.

No último boletim epidemiológico divulgado pelo município, 819 casos foram confirmados, 27 óbitos, 743 pacientes estão recuperados, 03 internados e 46 em isolamento domiciliar.

Fonte: Nobres Notícias

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Com pulmão comprometido, jornalista pode estar com Covid-19 pela 2ª vez
Propaganda

CIDADES

Rosário Oeste pode desaparecer caso sejam construídas hidrelétricas acima das barragens, explica defensor.

Distrito de Nossa Senhora da Guia, Acorizal e Rosário Oeste podem desaparecer caso hidrelétricas sejam construídas acima das barragens, explica defensor ambiental.

Publicados

em

Por

Fonte: PNB On Line

Grupo quer alertar população para riscos da construção de hidrelétricas no rio Cuiabá.

A Pastoral da Ecologia Integral, em parceria com o Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic) promoveu nesta quarta-feira (10.08), às 17h, um ato ecumênico e inter-religioso em defesa do rio Cuiabá e do Pantanal. O ato foi realizado nas imediações da Igreja do Rosário e de São Benedito.

O objetivo da manifestação foi convencer os deputados estaduais a derrubarem o veto do governador Mauro Mendes, que facilita a construção de seis barragens e instalações hidrelétricas no rio Cuiabá, no trecho entre a capital e o município de Nobres, assim como já está acontecendo em outros rios da bacia do Alto Paraguai. O Projeto de Lei que proíbe a construção dessas barragens já foi aprovado na Assembleia Legislativa de Mato Grosso com 12 votos favoráveis, duas abstenções e nove ausências.

O mestre em Sociologia da Universidade Federal de Mato Grosso e defensor ambiental, professor Juacy da Silva explica que caso sejam construídas as hidrelétricas, acima das barragens poderá haver alagamento, ocasionando no desaparecimento de distritos como o de Nossa Senhora da Guia, Acorizal e Rosário Oeste.

Leia Também:  Veiculo roubado em Várzea Grande é recuperado em Nobres

Já abaixo das barragens, poderá ocorrer a seca do Pantanal e a alteração no regime das chuvas. “Com o Pantanal seco não haverá mais vidas e poderá afetar toda a biodiversidade. O Pantanal seco é sinal de morte e não de vida”, ressaltou o professor.

“Nós cristãos precisamos defender as obras da criação e o Rio Cuiabá e outros rios que formam a bacia do Alto Paraguai, e consequentemente o Pantanal, estão correndo o risco de secarem e morrerem em decorrências de umas barragens que estão sendo construídas e outras que estão querendo construir”, completou Juacy, reforçando o convite à população para comparecer no ato, que ocorrerá nas imediações da Igreja do Rosário e São Benedito.

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

POLÍTICA

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Add this code where the ad should appear:
Add this code before the tag: